Como funciona o pool de ambientes

O pool de ambientes tem objetivo de centralizar as assinaturas e compartilhar licenças e recursos entre diferentes ambientes.

Para acessar a tela de configuração de pool, clique sobre o seletor do projeto e em ‘Gerenciar ambiente’.

Navegue até a área ‘Assinaturas’ e clique em ‘Gerenciar assinaturas’.

Na tela que será exibida clique em ‘Criar novo pool’ na área ‘Pools de licenças’.

Selecione o ambiente que deseja associar e clique no ícone  para inserir na listagem.

Depois de inserir todos os ambientes desejados, clique em ‘próximo’ e adicione os usuários que serão gerentes desse app pool e terão permissão para adicionar ou remover ambientes ou até mesmo adquirir novas licenças.

Você pode alterar o nome do seu novo pool clicando sobre o título da janela e depois em  para confirmar.

Agora clique em ‘Criar pool’.

Seu novo pool terá sido criado, e você poderá realizar algumas ações, como:

  • Número de ambientes: Adicionar ou remover ambientes do pool;
  • Número de licenças: Aqui você e os gerentes do pool poderão adquirir novas licenças e gerenciar faturas;
  • Gerentes: Adicionar ou remover pessoas administradoras desse pool.

 

Importante sobre as licenças:

Licença nomeada:

  1. Licenças nomeadas podem ser adquiridas a nível de app (ambiente) e não a nível de pool de ambiente, mas ficam disponíveis para ambientes diferentes;
  2. Os limites de anexos, webservices etc, ficam vinculados ao ambiente em que a compra foi feita.

Licença concorrente:

  1. Ela pode ser adquirida a nível de ambiente ou de pool;
  2. Os limites de anexos, webservices etc, ficam disponíveis de forma compartilhada entre os ambientes do pool;
  3. As licenças e recursos são consumidos primeiro do pool e depois do ambiente específico.

 

Veja também: Como ativar e alocar licenças padrão.

 

Was this article helpful?

Related Articles